Bolsa Portuguesa e AIP assinam protocolo de cooperação

Lisboa - 8 de Julho de 2013 – A Bolsa Portuguesa e a AIP assinam hoje um protocolo de cooperação com o objectivo de colaborar no desenvolvimento e divulgação do mercado de capitais, em especial do mercado Alternext, reunindo, para tal, a conjugação de esforços comuns, os meios, experiência, prestígio, e saber.

No âmbito deste acordo a Bolsa portuguesa levará a cabo acções junto de empresas associadas à AIP, sobretudo PME portuguesas, que estejam interessadas em aceder de forma simplificada ao mercado de capitais de modo a obter financiamento, diversificar a sua estrutura accionista ou colocar dívida sob a forma titulada. Por sua vez, a AIP informará os seus associados sobre esta opção de financiamento. Após a selecção das sociedades, e no pressuposto que estas sociedades preencham condições para uma admissão ao mercado de capitais, a Bolsa apoiará a preparação das empresas para os presentes efeitos, designadamente fazendo as diligências necessárias junto de consultores especializados.

O acordo entre as duas entidades passará ainda por colaborar na preparação e realização de reuniões e apresentações, ou outras acções e iniciativas concretas de base individual, para o efeito de formação sobre e/ou promoção genérica do mercado de capitais ou mais direccionadas para as necessidades específicas de cada entidade em particular, nomeadamente no que se refira à arquitectura das operações tendentes à admissão à negociação nos mercados da NYSE Euronext, através de ofertas públicas e/ou colocações particulares de valores mobiliários.

“O protocolo hoje assinado procura divulgar o mercado de capitais associado à temática do acesso a recursos financeiros, uma vez que este é um elemento incontornável para qualquer empresa que tenha ambição de se desenvolver, quer seja alargando a base de produtos e serviços, quer seja alargando a cobertura geográfica nacional e, sobretudo, internacional. A envolvente económica e financeira que tem marcado a realidade Portuguesa tornou visível o quão fundamental é manter o acesso a um dos suportes fundamentais do seu desenvolvimento, como são os recursos financeiros. No caso Português, para além do crédito e, provavelmente mais importante que o mesmo, é a necessidade de capitalização das empresas.” disse, Luís Laginha de Sousa, Presidente do Conselho de Administração da NYSE Euronext Lisbon, e acrescentou:“O mercado de capitais é uma excelente ferramenta alternativa para obter essa capitalização e financiar o crescimento, especialmente para as pequenas e médias empresas, que desempenham um papel tão proeminente no desenvolvimento de negócios no nosso país. Quando as empresas cotam em Bolsa, levantam capital, fortalecem a sua estrutura e melhoram o seu perfil.”

José Eduardo Carvalho, Presidente da AIP disse: “Vamos mobilizar a procura dos fundos de capitalização das empresas e também vamos exigir a urgente regulamentação. Queremos ter um papel actuante na dinamização deste instrumento e na dinamização das empresas no mercado de capitais. É impensável que o Ministério das Finanças esteja a preparar-se para alterar o modelo de “governance” das sociedades de garantia mútua procurando a fusão das sociedades de gestão actualmente existentes. O Estado domina dois pilares fundamentais deste sistema: o fundo de contra garantia e a sociedade portuguesa de garantia mútua, mas não tem a maioria nas sociedades gestoras. Espera-se que o bom senso prevaleça”.

Esta parceria constitui mais um passo na criação de um ecossistema em Portugal que fomente a solução de financiamento das empresas através do recurso ao mercado de capitais, suportada pela admissão a um mercado especialmente destinado às PME – o Alternext, e surge uma semana após o lançamento da EnterNext em Portugal, a subsidiária criada pelo Grupo NYSE Euronext especialmente vocacionada para apoiar as PME a financiarem-se por esta via.

A assinatura do protocolo realizou-se esta manhã, inserida no seminário “Apresentação de Soluções de Capitalização” e mesa redonda sobre "A necessidade de capitalização de empresas", nas instalações da AIP, e contou com a presença de cerca de 70 empresas.

Contactos Media: 

NYSE Euronext
Sandra Machado/ Paula Cordeiro
Tel: +351 91 777 68 97/ +351 96 404 67 78
Email: PressOfficeNYSEEuronextLisbon@euronext.com

AIP
João Pedroso
Tel: +21 360 10 28/ 96 622 69 59
Email: jpedroso@aip.pt

Sobre a EuronextA Euronext é a bolsa líder na Zona Euro, cobrindo a Bélgica, França, Holanda, Irlanda, Portugal e Reino Unido. Com 1300 emitentes e uma capitalização bolsista de cerca de 3.5 biliões de euros no final de Marte de 2019, a Euronext apresenta uma representação inigualável de mais de 24 emitentes de Morningstar® Eurozone 50 Index℠, bem como uma base sólida e diversificada de clientes nacionais e internacionais. A Euronext opera mercados a contado e de derivados, regulamentados e transparentes e é o maior centro mundial de dívida e fundos cotados. A sua oferta de produtos inclui Ações, Forex, ETFs, Warrants e Certificados, Obrigações, Derivados, Mercadorias e Índices. A Euronext utiliza, também, a sua experiência na gestão de mercados, fornecendo tecnologia e serviços de gestão a terceiras entidades. Para além do seu principal mercado regulamentado, a Euronext opera ainda o Euronext GrowthTM e o Euronext AccessTM , simplificando a admissão ao mercado de capitais para as PMEs.
Siga-nos e aceda à informação mais recente através do Twitter (twitter.com/euronext) e do LinkedIn (linkedin.com/euronext).

Disclaimer
O conteúdo desta press release é unicamente informativo e não constitui uma recomendação para efectuar investimentos. O conteúdo desta publicação é prestado “como se apresenta”, sem representação ou garantia de qualquer natureza. Apesar de todo o cuidado para assegurar a exactidão do conteúdo, a Euronext não garante a sua fiabilidade ou a sua completude. A Euronext não se considera responsável por qualquer perda ou dano de qualquer natureza, resultante do uso, actuação ou confiança depositada na informação facultada. Nenhuma informação contida ou mencionada nesta publicação constitui base para a celebração de qualquer contrato. A criação de direitos e de obrigações referentes a instrumentos financeiros que são negociados nos mercados operados pelas subsidiárias da Euronext só podem resultar das regras aplicáveis ao operador de mercado em questão. A Euronext é titular de todos os direitos contidos ou relacionados com esta publicação. 

 

Este press release reporta-se, apenas, à presente data. A Euronext refere-se à Euronext N.V. e suas subsidiárias. A informação relativa às marcas e aos direitos de propriedade intelectual da Euronext consta em www.euronext.com/terms-use.

© 2019, Euronext N.V. – Todos os direitos reservados.